28.9.12

Fate (11/11)

Título: Destino
Resumo: Universo Alternativo baseado no começo da quinta temporada. Chloe já está frequentando a MetU e ainda não conheceu Oliver até que o destino decide que é hora dela entrar na vida dele.
Autoras: chloeas e dl_greenarrow
Classificação: NC-17
Anterior: 01 :: 02 :: 03 :: 04 :: 05 :: 06 :: 07 :: 08 :: 09 :: 10






Oliver andava de um lado para o outro na cobertura lentamente, correndo a mão pela nuca. "Tem certeza que ele vem?"

"Eu dou um chute nele se ele não aparecer", Chloe disse, sorrindo enquanto o observava. "Relaxa, Ollie, ele é só um cara."

"Ele é um super heroi."

"E você também é", ela disse, parando na frente dele, "e ele não é nenhum especialista também, ele está aprendendo no caminho."

"Sim, mas ele tem poderes e ele faz isso há muito mais tempo", Oliver pontuou, sua testa franzida.

"Não tanto tempo assim, acredite em mim", Chloe disse, ficando na ponta dos dedos e beijando-o. "Está tudo bem, Ollie."

Ele fechou os olhos e desceu a cabeça para beijá-la de volta, deslizando um braço ao seu redor instintivamente.

Chloe sorriu contra seus lábios e esfregou as mãos pelos braços dele para acalmá-lo, ela tinha pedido para Clark aparecer aquela noite para que ele e Oliver pudessem ir para sua primeira patrulha juntos, mas ela pode não ter mencionado que o Borrão e seu melhor amigo de Smallville eram a mesma pessoa, mas sentiu que ele ficaria ainda mais nervoso se soubesse que estava conhecendo um super heroi e uma das pessoas mais importantes na vida dela ao mesmo tempo.

Oliver relaxou um pouco enquanto o beijo se estendia, deixando o toque dela lhe acalmar. "Obrigado", ele murmurou um momento depois, descansando a testa na dele.

"Eu te amo", ela sussurrou, segurando o rosto dele. "E ele já sabe o quanto você vem trabalhando, ele vai te respeitar."

"Eu te amo", ele sussurrou de volta sem hesitar, inclinando-se ao toque e expirando.

Ela apertou os braços dele e pressionou os lábios nos dele uma vez mais e então parou quando houve uma batida na porta. Sorrindo, ela lhe deu um beijo rápido. "Eu disse que ele viria", ela disse antes de ir até a porta e abri-la.

Ele engoliu em seco, virando-se para a porta, e observado-a abrir e revelar um homem da sua altura, e com cabelos pretos, vestindo uma camiseta azul e uma calça jeans, juntamente com uma jaqueta vermelha. "Ei."

Clark sorriu para Chloe então entrou. "Oi", ele disse.

"Ollie, este é Clark Kent", ela disse, sabendo que com a quantidade de histórias que tinha contado a ele sobre o colégio nas últimas duas semanas enquanto estavam na Itália, ele provavelmente reconheceria o nome. "Clark, este é Oliver Queen."

Oliver olhou para Chloe, olhos arregalando um pouco. Clark Kent. Seu primeiro amor, ele percebeu, juntando as peças. "Bom conhecê-lo", ele disse, estendendo a mão.

"Também é bom conhecê-lo, Sr. Queen", Clark disse educadamente.

Chloe sorriu e assentiu um pouco ao olhar no rosto de Oliver. "Sim, eles são a mesma pessoa", ela disse, colocando uma mão em seu braço e esfregando gentilmente.

Assentindo um pouco, ele apertou a mão de Clark e prendeu a respiração, medindo o outro homem. Certo, então ele tinha super poderes. E ele e Chloe se conheciam há muito tempo. Mas o senso de moda do cara definitivamente precisava ser trabalhado. E, Ollie pensou, eu definitivamente sou mais bonito.

Clark correu a mão pela nuca. "Hm, você está... pronto pra ir?" Ele perguntou embaraçosamente.

"Sim, vamos embora", ele concordou, relaxando um pouco e olhando para Chloe. "Está pronta?"

"Sim", Chloe assentiu, pegando os comunicadores no balcão e estendendo para Ollie. "Clark pode nos ouvir sem isso, se vocês dois se separarem, tudo que tem que fazer é chamá-lo."

Clark assentiu um pouco. "Eu deixo você tomar a frente, estou aqui só pra te dar cobertura."

Oliver assentiu também, olhando para Clark por um momento, então descendo a cabeça para beijar a boca de Chloe suavemente. "Te vejo logo", ele sussurrou.

Clark arregalou um pouco os olhos e desviou o olhar embaraçado.

Chloe sorriu e assentiu depois de retornar o beijo. "Tome cuidado", ela sussurrou. "Boa sorte."

"Amo você." Ele beijou sua testa e colocou o comunicador no ouvido, indo para a porta.

"Também te amo", ela disse e então respirou fundo e assim que saíram pela porta ela foi para o  laptop, completamente perdendo o olhar estranho que Clark estava lhe dando.

***

Quase duas horas depois Clark e Oliver voltaram para a cobertura, a noite tinha corrido bem, Clark tinha ajudado Ollie numa situação onde havia quatro caras e ele errou um deles e quase foi atingido por uma faca no braço, mas tirando isso, tinha sido tudo calmo.

Quando ele disse a ela que estavam do lado de fora, ela mal conseguia esperar para vê-lo e garantir que ele tinha voltado inteiro e também para ouvir mais detalhes sobre o que tinha perdido enquanto eles estavam fora.

Oliver não conseguia tirar o sorriso do rosto enquanto entrava na cobertura, indo direto até Chloe. "Foi incrível!"

Clark o seguiu e sorriu enquanto fechava a porta.

O ar ficou preso em sua garganta quando viu o olhar no rosto dele, ela não pôde deixar de sorrir de volta. "De onde eu vi, você foi incrível." Ela disse, indo até ele também.

Ele a pegou, beijando sua boca e apertando os braços ao redor dela. "Obrigado", ele sussurrou.

Chloe deu risada quando ele a pegou e o beijou mais uma vez enquanto apertava os braços dele. "Não precisa agradecer, você fez todo o trabalho duro, Ollie."

"Porque você me colocou na direção certa." Ele roçou o nariz contra o dela, e a beijou mais uma vez.

Clark clareou a garganta e se mexeu desconfortavelmente. "Eu, hm, eu vou voltar." Ele disse a eles.

Chloe encontrou dificuldade em desviar os olhos de Oliver, mas conseguiu se virar para Clark e sorrir. "Obrigada, Clark, te ligo amanhã?"

"Sim, falo com você amanhã. Oliver." Ele disse, assentindo para o homem antes de se afastar o mais rápido possível.

Ele se encolheu um pouco. "Oops?"

Ela sorriu e balançou a cabeça, passando os braços ao redor do pescoço dele. "Ele está bem", ela prometeu, beijando o canto da boca de Ollie, então afastando-se para olhar pra ele. "Conte-me tudo."

Oliver a pegou, colocando-a sobre a mesa atrás deles e a beijando mais uma vez antes de olhar de volta pra ela. Ele contou sobre o assalto que impediu, sobre a mulher que salvou. Contou sobre o enfrentamento com os quatro homens - o incidente que Clark teve que ajudá-lo - mas ele não estava preocupado com isso. Tinha sido sua primeira noite. Ele ficaria melhor. Ele contou a ela sobre o roubo de carro que impediu apenas assustando os adolescentes que tentavam roubar o carro. Quando ele terminou, seus olhos brilhavam e ele sorria abertamente.

Chloe ouviu em silêncio, quanto mais ele falava sobre o que tinha acontecido, mais ela percebia animação em sua voz, mais ela sabia que era exatamente isto que ele deveria estar fazendo e mais orgulhosa se sentia dele. Ela o tinha colocado na direção certa, claro, mas tinha sido ele a se preparar e agora a sair e ajudar as pessoas.

E quando ele sorriu pra ela foi quando ela percebeu o brilho em seus olhos, o fato de que ele parecia tão feliz, tão completo, tão diferente de quando o conheceu do lado de fora de seu escritório. Agora quando olhava pra ele, ela percebia que ele tinha o mesmo olhar que o outro Oliver, como se estivesse satisfeito, como se sua vida fosse tudo que deveria ser.

Respirando fundo, ela segurou o rosto dele nas mãos enquanto procurava seu olhar, querendo lembrar daquele olhar no rosto dele. Seus olhos começaram a aquecer, e também seu peito. "Eu estou tão orgulhosa de você", ela sussurrou, sorrindo. "Você é absolutamente maravilhoso, Ollie."

O peito dele aqueceu com as palavras e ele segurou seu rosto em retorno, beijando-a suavemente. "Você também é maravilhosa. Você sabe disso, certo? Eu jamais teria conseguido sem você."

Ela respirou fundo e sorriu. "Formamos um belo time", sussurrou, roçando o polegar no rosto dele.

"Sim, nós formamos." Ele se inclinou ao toque. "Eu te amo."

"Eu também te amo", ela sussurrou, gentilmente puxando o rosto dele mais perto do dela e descansando a testa na dele. "Tem algumas coisas que eu preciso esclarecer."

Ele franziu a testa a isso. "Como o quê?"

"Bem", ela respirou fundo. "Naquele dia que você me ajudou, quando você me salvou do assalto?" Ela disse baixinho, procurando seus olhos.

Ele inclinou a cabeça para o lado. "O que tem?"

"Eu queria conseguir sua atenção", ela admitiu. "Eu queria provar que você tinha o que era necessário, então eu pedi para Clark fingir que estava me roubando pra você poder me salvar."

Oliver ergueu uma sobrancelha a isso. "Você fingiu seu próprio assalto?"

"Bem", ela se mexeu na mesa. "Eu não queria colocar nenhum de nós em perigo, mas você não estava falando comigo e eu prometi que não ia mais te incomodar, que eu ia esperar você entrar em contato, e eu estava ficando impaciente porque o Dr. Destino disse que eu tinha que te ajudar o mais rápido possível e eu achei que fosse ajudar." Ela disse de uma vez só, tentando lê-lo.

"Chloe." Sua voz era baixa. "Está tudo bem. Eu precisava do chute no traseiro."

Ela parou e respirou fundo, observando-o atentamente. "Eu sinto muito não ter contado antes, eu só não queria você duvidando do super heroi maravilhoso que você é, e decidi que agora podia te contar a verdade."

Ele se inclinou e a beijou, emaranhando a mão em seu cabelo. "Está tudo bem. Você não precisa se desculpar", ele a garantiu.

Chloe retornou o beijo e então olhou pra ele por um momento mais e o beijou novamente, profunda e lentamente desta vez.

Oliver roçou o nariz no dela e sorriu. "Como eu fui ter tanta sorte?"

"Parece que é a norma", ela sussurrou, sorrindo de volta pra ele. "Que é outra coisa que não te contei."

"O quê?" Ele passou os braços ao redor da cintura dela, encostando sua testa na dela.

"Quando eu conheci o outro você", ela disse baixinho, "ele me disse que estava casado com a outra versão de mim."

Oliver arregalou um pouco os olhos. "Sério?"

Chloe assentiu um pouco e sorriu a expressão dele. "Ele disse que estavam juntos há três anos."

Ele sorriu pra ela. "Então acho que sou universalmente sortudo." Ele beijou seu rosto.

Ela sorriu. "Ele também me disse que ela estava grávida de seis meses", ela disse. "Mas eu acho que precisamos esperar um longo tempo antes disso acontecer." Ela acrescentou rapidamente.

Ele arregalou os olhos. "Uau", sussurrou.

Chloe apertou os lábios e assentiu. "Sim, por isso que eu não te contei antes, eu não queria que as coisas acontecessem entre a gente porque você achava que era como deveria ser."

Ele assentiu, observando-a, ainda com os olhos arregalados. "Mas aparentemente é como deveria ser."

Ela respirou fundo e assentiu, correndo os dedos no cabelo dele. "Aparentemente é."

Oliver relaxou um pouco, correndo os lábios na testa dela. "Graças a Deus", ele sussurrou.

Com um aceno de cabeça, ela sorriu e passou os braços ao redor dele, puxando-o pra ela. "Minha vida não pareceria certa sem você nela."

Oliver a abraçou, descansando o queixo em sua cabeça. "Idem",  murmurou.

Chloe sorriu e roçou o nariz no pescoço dele. "Eu te amo, Ollie."

"Eu também te amo", ele sussurrou, dando um beijo suave em sua têmpora.

Ela respirou fundo e levantou a cabeça, observando-o atentamente. "Obrigada por mudar minha vida também."

Ele sorriu a isso, mantendo o olhar, então descendo a cabeça para beijá-la.

Chloe o beijou de volta e aproximou-se ainda mais. Eles ainda tinham muito o que fazer sobre o papel dele como Arqueiro Verde e como ela deveria ajudá-lo em suas patrulhas além de garantir que ele estivesse sempre em segurança enquanto estivesse lá fora, mas o fato de estarem obviamente no caminho certo definitivamente ajudava.


__________________________________________________________

8 comentários:

  1. Oliver comparando a própria aparência com a de Clark rs comédia.

    Obrigado por esta tradução Angelique!

    ResponderExcluir
  2. Ô, sim!! Definitvamente mais bonito!! =DDD

    Obrigada, mais uma vez, Angelique!!

    Ai, gente, quero mais!!

    GIL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha... que bom que gostou, GIL... tem mais a caminho, lógico...

      Excluir
  3. Final fofo ♥ Chlollie juntos em todos os universos !

    Alice

    ResponderExcluir
  4. E foram felizes para sempre *-*
    Eu não li direito a parte 10, mas tem uma coisa que não me lembro de ter lido.
    Chloe não disse ao Oliver que eles eram casados no outro universo, falou?

    Enfim. Muito obrigada pela tradução Angelique ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, ela conta...

      Que bom que gostou, Roberta...

      Excluir

Google Analytics Alternative