13.9.10

Late

Título: Atrasada
Resumo: Chloe Sullivan está atrasada...
Autora: smallvillefics
Classificação: PG-13




Ele acordou ao som dela reclamando e xingando. Tentando abrir os olhos ele fez uma careta por causa da luz que entrava pela janela. Ugh, ela já devia saber. Sua única regra de manhã era 'não abrir as cortinas'.

"O que você está fazendo?", ele perguntou, sabendo que era melhor nem ter perguntado.

"Eu estou atrasada", ela resmungou, frustrada.

"O quê?" Ele balançou a cabeça cansado, tentando focar no Furacão Chloe e seu caminho de destruição.

"Eu estou atrasada, Oliver", ela repetiu, claramente chateada. "E eu não consigo... não consigo nem pensar direito. Onde inferno estão os meus sapatos?", ela jogou as mãos para o alto antes de começar a procurar em uma pilha de roupas que estava no chão. "Porque as coisas nunca ficam onde eu deixei?" Ela continuou seus murmúrios de preocupação enquanto ele processava suas palavras.

"Você está atrasada?" ele disse devagar.

"Quantas vezes eu vou ter que repetir?" ela exclamou e jogou o casaco dele sobre a cama.

"Ok, ok...", ele desceu da cama e começou a andar de um lado para o outro, correndo a mão pelo cabelo enquanto respirava fundo. "Chloe", ele chamou. Ela nem se importou em parar sua atividade furiosa. Caminhando até ela, ele se ajoelhou ao seu lado, puxando-a pelos ombros, de modo que ela tivesse que olhar pra ele. "Ei... vai ficar tudo bem. Tudo vai ficar bem. Vamos dar um jeito", ele disse para tranquilizá-la.

"Você sabe onde estão meus sapatos?"

"Esqueça os malditos sapatos, eu te compro outro par. Eu vivo falando pra você deixar algumas coisas aqui há décadas."

"O quê, você quer que eu diga? Tá bom, você está certo Sr. Queen, de agora em diante eu vou deixar algumas roupas de reserva aqui. Missão cumprida", ela se levantou e cruzou os braços enquanto inspecionava a área, procurando qualquer buraco ou fresta que tivesse esquecido de procurar.

"Reserva de... acho que temos coisas mais importantes para pensar agora, Chlo", ele disparou, se levantando do chão. Ele procurou por seu rosto, se esforçando para não pará-la à força enquanto ela destruía seu quarto.

"Se eu não encontrar meus sapatos eu não posso ir embora!" ela gritou, a fumaça praticamente saindo de suas orelhas.

"Eu não quero que você vá embora!" Ele gritou de volta.

"Eu tenho que ir! Eu tenho uma reunião com Emil do outro lado da cidade daqui a cinco minutos! E porque estamos brigando?!"

Ele congelou no lugar, o dedo erguido no ar, preparado para confrontá-la em seu estado de pânico ao lidar com o que ele imaginava ser um novo capítulo em suas vidas. "Emil." Seus olhos se fecharam em alívio.

"Sim, Emil. Por que você está olhando pra mim como se eu fosse maluca?" Ela estava realmente confusa. Um pensamento passou por sua cabeça. "Você achou que eu estava te deixando?"

"Não! Eu achei que você estava..." Ele coçou a nuca.

"Você estava agora mesmo dizendo que não queria que eu fosse embora e..."

"Você disse que estava atrasada."

"Eu estou atrasada. Emil vai me matar. E é tudo culpa sua, eu não estaria atrasada agora se não tivéssemos ficado acordados até tão tarde ontem à noite."

"Chloe. Você disse. Que você. Estava. Atrasada.", ele fixou os olhos nos dela enquanto verbalizava cada sílaba.

"Ah", ela arregalou os olhos. "Atrasada. Você achou que eu estava atrasada." A briga tinha deixado os dois exaustos. Ela repetiu mentalmente as palavras dele. "Eu tenho que dizer, pelo que você estava pensando que era..." Ele olhou pra ela cautelosamente. "Você reagiu muito bem, de verdade."

"Reagi?", ele perguntou incerto.

Ela sorriu e riu baixinho antes de se esgueirar até o lado dele, deslizando os braços em sua cintura e encostando a cabeça em suas costas. Ela virou a cabeça para olhar pra ele. "Sim. Você tentou me acalmar, e me impediu de sair correndo. Mas você precisa saber Oliver, eu sou super cuidadosa nesse departamento. Eu nunca estarei atrasada. Não se preocupe."

Ele olhou para os olhos verdes tentando livrá-lo de toda sua tensão. "Eu não estava", ele respondeu com sinceridade. Ela inclinou a cabeça analisando seu comportamento. Os braços dele envolveram os dela e ela o abraçou. "Você alguma vez já pensou... eu digo... você acha que poderia...?", ele se perdeu nas palavras, mas sabia que ela tinha entendido.

"Talvez", ela respirou devagar, refletindo. "Quer dizer, eu não sei. Eu acho que temos tantas outras coisas para resolver antes de considerar... ficarmos atrasados."

"É, você está certa", ele assentiu.

"Primeiro temos que eliminar qualquer exterminador que exista por aqui ou fada dos sapatos que insistam em aparecer e eu vou precisar de uma sapateira."

Ele riu de verdade e a puxou para dar um beijo. "Você terá duas."


SEIS MESES DEPOIS

Ah, tenha dó... por que as cortinas estão abertas de novo?! Espera, isso foi uma risadinha? Sim, era uma incessante e animada risada sendo emitida por sua amável, mas irritante outra metade.

"Sério, Chloe? Uma regra, eu só tenho uma regra."

"E eu tenho duas palavras."

"Odeio quando você vem com enigmas de manhã", ele resmungou.

"Estou atrasada."

"Pra quê?"

"Não, eu estou atrasada, Oliver."

Ele abriu os olhos confuso para ver um rosto sorridente curvado ao pé da cama, com um palito plástico na mão. "Você está atrasada?" Ela assentiu novamente e ele se sentou e pegou o palito. Ele olhou fixamente pra ele, e depois de volta pra ela.

"Acordou agora?" ela provocou alegremente.

Ele jogou o palito por sobre o ombro e esmagou seus lábios contra o dela. "Minha mulher está atrasada", ele gritou orgulhoso e rolou com ela na cama.

Ela gemeu, e não por uma boa razão. "Sim, e também estou sofrendo com a predisposição para enjôos matinais, então talvez devêssemos evitar os empurrões."

Seu sorriso se espalhou pelo rosto, sentindo como se pudesse gravá-lo em seus ossos. "Você sabe que eu estou feliz por você estar atrasada, certo?"

"Eu também. E de pensar que isso aconteceu só por causa de uma reunião perdida com Emil. O que você acha que vai acontecer se eu perder mais uma?"

"Vamos acabar tendo gêmeos."

_________________________________________________________________________

9 comentários:

  1. *______* eu adoro essa fic! Ficou ótima a tradução, Adriana :D

    Uma a menos na força tarefa que incluem muitas e muitas fics ^^

    ResponderExcluir
  2. rs... nem me fale!!! você + sofia = loucas de pedra kkk...

    ResponderExcluir
  3. Aawwwwwwwwwn!!Que linda!!!
    Imaginei direitinho a cara do Ollie quando entendeu que ela estava atrasada pra reunião...haha

    ResponderExcluir
  4. nuss fiquei tão confusa quanto o Oliver kkkk

    ResponderExcluir
  5. hahha eu também achei isso, quando a gente terminou a divisão, eu anotei tudo. Daí eu olhei e só pensei: sério, de onde que a gente tira essas coisas malucas? haahahaha

    ResponderExcluir
  6. Gente essa eu realmente agradeço pela tradução, tinha lido a original e não entendi rs quem manda em inglês uma mesma palavra tem uns 10 significados.^^ Muito Fofa.
    Vilm@

    ResponderExcluir
  7. KKKKKKKKKKKKKK

    Ri muito, imaginando a cara dos dois com o mal entendido no início e depois o final.

    Não seria tudo se no final de Smallville a Chloe ficasse grávida e fosse com o Oliver para Star City (a cidade dele)?

    ResponderExcluir
  8. Nossa, na minha opinião, esse seria o final PERFEITO...

    ResponderExcluir

Google Analytics Alternative